No dia 26 de outubro, segunda-feira, em Cabo de Santo Agostinho (PE), foi realizado mais um encontro do Programa Primeiro a Infância do Fundo Juntos pela Educação. O encontro foi um momento importante na construção de um marco referencial, um documento norteador para a confecção do Projeto Político Pedagógico (PPP) das escolas de educação infantil dos três municípios pernambucanos que participam do Programa: Cabo de Santo Agostinho, Camaragibe e São Lourenço da Mata.
 
O objetivo do Programa Primeiro a Infância é contribuir para a melhoria de uma educação infantil de qualidade nos municípios parceiros.
 
O Fundo Juntos pela Educação é constituído pelo Instituto Arcor Brasil e Instituto C&A. Em sua primeira fase, o Programa contribuiu para aprimorar as metas e estratégias direcionadas para uma educação infantil de qualidade nos planos municipais de Educação dos três municípios pernambucanos.
 
Na segunda fase, a ser concluída em 2016, o objetivo será a construção de forma participativa dos projetos político pedagógicos (PPP) das unidades de educação infantil. Com esse horizonte, foi realizada uma formação no dia 28 de setembro, em Camaragibe, para as equipes gestoras das secretarias municipais de Educação parceiras do programa.
 
A partir daí, começou a discussão para a elaboração de um documento norteador em cada secretaria de educação parceira, que servirá de referência para a construção dos PPP nas unidades de educação infantil dos três municípios.
 
Como explica Oneide Ferraz Alves, coordenadora técnica da implementação do Programa Primeiro a Infância pela Oficina Municipal, além da elaboração do documento norteador – que servirá como marco referencial – serão executados diagnósticos sobre a realidade e demandas das unidades de educação infantil.
 
A intenção do Fundo Juntos pela Educação, destaca Oneide, é que os Projetos Político Pedagógicos (PPP) de fato espelhem a realidade e desafios das unidades de educação infantil. E, também, que não sejam apenas documentos formais, mas indicativos de ações e políticas para a implementação da educação infantil de qualidade em Cabo de Santo Agostinho, Camaragibe e São Lourenço da Mata.
 
Tendo em vista a relevância do documento norteador e do diagnóstico para a elaboração dos PPP de cada unidade escolar de educação infantil, o encontro de 26 de outubro, diz Oneide, discutiu aspectos como: reflexão e entendimento sobre o significado e os propósitos do marco referencial do Projeto Político Pedagógico das Escolas; delinear os princípios, os valores, o contexto social e os principais objetivos que comporão a base do marco referencial do PPP das escolas; entender os principais elementos e funções do diagnóstico escolar; e iniciar a construção do modelo de diagnóstico da escola que será utilizado para a orientação das mesmas.
 
Oneide observa que os encontros mensais vêm ocorrendo, alternadamente, em cada um dos três municípios, com as equipes gestoras e educadores das unidades de educação infantil. Essa alternância, assinala, “possibilita que os profissionais conheçam a realidade dos demais municípios, e isso é muito importante para o fortalecimento de ações conjuntas e para a troca de informações”.