O Programa Primeiro a Infância – Educação Infantil como Prioridade, do Fundo Juntos pela Educação, está tendo a sua continuidade em 2017, com as primeiras atividades nos municípios de Cabo de Santo Agostinho, Camaragibe e São Lourenço da Mata. No dia 21 de março foi realizado o primeiro encontro regional, envolvendo representantes dos três municípios.
 
As primeiras ações foram encontros entre a equipe do Fundo Juntos pela Educação e da Oficina Municipal com as novas equipes gestoras das Secretarias de Educação dos três municípios. Os encontros foram necessários em função das mudanças nessas equipes, derivadas das últimas eleições municipais.
 
No dia 20 de fevereiro, foram realizadas reuniões com as novas equipes nos três municípios parceiros. Nos três momentos, Gustavo Adolfo Santos, da Oficina Municipal, fez um relato sobre a implantação do Programa Primeiro a Infância nos respectivos municípios e apresentou o Relatório Geral de Atividades da Fase 2 da iniciativa, com várias atividades previstas para 2017.
 
Os três encontros tiveram a presença – ainda que em tempo parcial – dos novos secretários municipais de Educação e de gerentes ou coordenadores que atuam diretamente com a Educação Infantil. Todos os três municípios demonstraram interesse na continuidade do Programa Primeiro a Infância – Educação Infantil como Prioridade.
 
Uma deliberação comum nas três reuniões foi pela constituição, pelas novas equipes gestoras da área da Educação, de uma comissão para acompanhar as propostas previstas no Programa, em sintonia com as diretrizes estipuladas nos respectivos Planos Municipais de Educação (PME).
 
Os três municípios parceiros estão em estágio diferente em termos da revisão dos respectivos Projetos Político Pedagógicos (PPP) das unidades de educação infantil. A revisão do PPP foi escolhida como a estratégia para a implementação na prática, nas escolas, do que os Planos Municipais de Educação estabeleceram, embora os PME sejam mais abrangentes. O PPP foi então definido como estratégico por ser um instrumento de gestão, que permite um amplo diagnóstico de cada unidade de educação infantil e, também, a ampla participação de todos os setores das escolas na sua revisão.
 
Este foi o ponto mais enfatizado no encontro com as novas equipes gestoras das secretarias municipais de Educação. Em Camaragibe, todos os PPP já foram homologados, com vigência de 2017 a 2022 e com revisão semestral, conforme o documento norteador também elaborado como uma das ações do Programa Primeiro a Infância. Em Cabo de Santo Agostinho e São Lourenço da Mata, falta a sistematização dos PPP das escolas.
 
Os próximos passos do Programa Primeiro a Infância – Educação Infantil como Prioridade foram discutidos em novos encontros, no dia 21 de fevereiro, com as novas equipes técnicas de Educação Infantil das secretarias municipais de Educação. Nesses encontros foi registrada a participação de muitas educadoras e técnicas que participaram dos primeiros momentos do Programa Primeiro a Infância, em 2015 e 2016, e que ressaltaram a relevância da revisão dos PPP nas unidades escolares, como fruto de um processo participativo.
 
Nos três encontros com as equipes técnicas foi confirmada a presença no primeiro encontro regional, realizado no último dia 21 de março. A partir desse evento foram estabelecidos os cronogramas e estratégias para a continuidade do Programa Primeiro a Infância – Educação Infantil como Prioridade, ao longo de 2017, tendo o acompanhamento da execução dos PPP como uma das ações prioritárias.