Programa pela Educação em Tempo Integral

Desenvolvido entre 2006 e 2010, com apoio a projetos em Campinas e na Paraíba, nos municípios de João Pessoa, Lucena e Santa Rita.

Foram três as edições do Programa pela Educação em Tempo Integral. A Primeira Edição, entre 2006 e 2007, teve nove projetos, sendo quatro em Campinas e cinco na Paraíba (um em Lucena e quatro em João Pessoa), envolvendo 49 organizações e beneficiando oito mil jovens. A Segunda Edição, entre 2008 e 2009, contemplou onze projetos, cinco em Campinas e seis na Paraíba, somando 84 organizações.

Na Terceira Edição, entre 2009 e 2010, o município de Campinas teve quatro projetos, envolvendo 27 organizações. O estado da Paraíba, por sua vez, teve cinco projetos como parte da Terceira Edição do Programa pela Educação em Tempo Integral. Os cinco projetos foram desenvolvidos entre 2009 e 2010, envolvendo 43 organizações.

Estes foram os projetos apoiados na Terceira Edição:

Projetos em Campinas

  • Além das Letras
  • Novasatitudes.com
  • Pacto Sustentável
  • Comunidade Educativa

Projetos na Paraíba

  • CRER-SER em Tempo Integral
  • CATA AQUI, CATA ACOLÁ
  • Rede de Saberes
  • Roda, Rede!
  • Educação (Con)Vivência Integral

 

fundo-2008-escola-americo-falcao-0042

“Roda, Rede!”, um dos projetos apoiados na Paraíba.

Programa pela Educação Integral

O Programa pela Educação Integral, novo nome da iniciativa do Fundo Juntos pela Educação, tem seu segundo ciclo entre 2011 e 2013. O edital de projetos foi dirigido desta vez somente para projetos de municípios de regiões metropolitanas do Nordeste brasileiro.

 

 

A mudança de nome, de Programa pela Educação em Tempo Integral, no primeiro ciclo, para Programa pela Educação Integral, no segundo ciclo, deve-se ao amadurecimento entre os parceiros do Fundo Juntos pela Educação e no Comitê Técnico do programa da visão de que o propósito seria o fortalecimento da proposta da Educação Integral na perspectiva do desenvolvimento integral do ser humano, e não somente em termos da proposta da jornada ampliada ou da escola em horário integral, como verificado no primeiro ciclo. A jornada ampliada e a escola em horário integral são essenciais para a melhoria da qualidade da educação no Brasil, mas a grande contribuição do Programa seria contribuir para criar as condições de uma educação voltada para o desenvolvimento integral, em todas as dimensões, das crianças e adolescentes das comunidades abrangidas pelos projetos.

 

Entre 2011 e 2013, foram apoiados sete projetos, envolvendo mais de 30 organizações e beneficiando a mais de 5 mil crianças e adolescentes.

 

Estes foram os projetos apoiados pelo Programa pela Educação Integral:

Projetos no Ceará

  • Nossas Histórias
  • Caldeirão das Artes
  • Hora do Jogo
  • Ecomuseu de Maranguape

Projetos em Pernambuco

  • Construindo saberes e direitos através da educação integral
  • Brincando com os sons
  • Solidariedarte – Educação, arte e cultura transformando a comunidade
foto-1

“Solidariedade”, um dos projetos apoiados em Pernambuco.

Programa Primeiro a Infância

“Programa Primeiro a Infância” – Educação Infantil como prioridade – Lançado em abril de 2015, em Pernambuco, o Programa tem o propósito de fortalecer o desenvolvimento e a implementação participativa de Planos Municipais de Educação, nos municípios de Camaragibe, Cabo de Santo Agostinho e São Lourenço da Mata, privilegiando as estratégias específicas para a construção de políticas que visem a oferta de educação infantil de qualidade”.

Primeira