No último dia 18 de maio, a praça Rui Barbosa, no centro de Campinas (SP), foi o palco de uma série de atividades relacionadas ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Em uma das barracas montadas na praça, estava presente a rede intersetorial Novas Atitudes.Com, que reúne várias organizações da região do Jardim Satélite Íris, que está completando dez anos de atuação e nasceu com o apoio do Fundo Juntos pela Educação.

 

A origem da rede Novas Atitudes.Com está no projeto do mesmo nome apoiado, entre 2005 e 2010, pelo Fundo Juntos pela Educação, constituído por Instituto Arcor Brasil e Instituto C&A. O projeto foi um dos apoiados pelo Fundo como parte do Programa pela Educação em Tempo Integral.

 

O objetivo do programa era unir escolas e organizações sociais de um determinado território, para propiciar educação integral e em tempo integral para crianças e adolescentes. Mais de 150 organizações estiveram envolvidas no primeiro ciclo do programa, entre 2005 e 2010, quando foram apoiados projetos em Campinas (SP) e em três municípios da Paraíba: João Pessoa, Lucena e Santa Rita.

 

O Novas Atitudes.Com desenvolveu várias atividades de cunho comunitário, fortalecendo os laços entre escolas e ONGs na região do Jardim Satélite Íris, uma das áreas de maior vulnerabilidade social em Campinas, com 145 mil moradores.

 

Oficinas de informática, esportes e artes foram oferecidas durante os cinco anos de vigência do projeto. Um dos marcos foi a inserção da tecnologia da lousa digital, utilizada na EE “Rosina Frazatto dos Santos” mas compartilhada com toda comunidade.

 

Com o fim do projeto apoiado pelo Fundo Juntos pela Educação, a rede continuou atuando no Jardim Satélite Íris, uma região onde vem sendo fortalecido o capital social da comunidade.

 

As organizações que atualmente integram a rede são: Centro de Referência de Assistência Social – Cras Satélite Íris I e Cras Florence; Projeto Gente Nova – Progen II; Casa de Maria de Nazaré – Unidade II – Casa Hosana; Creche Coração de Maria – Ceascom; E.E. Prof.ª Rosina Frazatto dos Santos; Moradores do Satélite Íris I; Instituto Bosch. A maior parte dessas organizações integrou o Projeto Novas Atitudes.Com, no âmbito do Programa pela Educação em Tempo Integral.

 

Os parceiros desenvolvem um trabalho em rede no território e, além das atividades relacionadas ao 18 de maio, Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, estão programadas algumas ações para o ano todo com o objetivo de não só reforçar a importância da luta pela efetivação dos direitos dos cidadãos, a dignidade da mulher, a luta contra a exploração e abuso sexual, a importância da preservação do meio ambiente, a luta contra o racismo, como também propiciar um espaço formativo de debate nas diversas organizações que estão no território.

 

Contra a exploração sexual – Manifestações artísticas e muita informação marcaram a lembrança do Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes em Campinas, no próprio dia 18 de maio.

 

O ato em Campinas teve a coordenação do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA). Este é o décimo ano consecutivo em que a data é lembrada com uma série de atividades no centro da cidade, observou Cristiane Correa, representante do Projeto Gente Nova (Progen) no CMDCA. O Progen é uma das organizações integrantes da Rede Novas Atitudes.Com.

 

“Participando dessa manifestação, estamos ajudando a fortalecer a rede que já atua em defesa das crianças e adolescentes”, disse Débora Pádua, do CRAS-Satélite Íris, integrante da Novas Atitudes.Com. “Essa luta deve ser do poder público e também de toda a sociedade”, completou Ruan Henrique de Almeida, do CRAS-Florence. A Rede participou na manifestação com uma barraca onde eram feitas pinturas nos rostos das crianças e distribuídas flores, símbolo da data.

 

A Rede Novas Atitudes.Com promoveu outras ações no Jardim Satélite Íris, relacionadas ao 18 de maio. A programação começou no dia 8 de maio, com formação para educadores, na Casa Hosana. Outras oficinas foram realizadas no CRAS do Florence, Comunidade São Marcelino, Escola Estadual “Profa. Rosina Frazatto dos Santos”, CRAS do Satélite Íris e Comunidade Nossa Senhora Auxiliadora, no Jardim Uruguai. Além da presença no ato no centro de Campinas, a Rede realizou, no dia 21 de maio, um cortejo pelas ruas do próprio Jardim Satélite Íris.