Juntos pela Educação
Destaques Principal

Projeto de Matemática na Educação Infantil recebe prêmio nacional

Escola de Educação Infantil em Cabo de Santo Agostinho: a procura constante pela qualidade (Foto Divulgação - Léo Domingos/Prefeitura de Santo Agostinho)

A introdução de conceitos de matemática, de forma lúdica, prazerosa, na educação infantil é o tema de projeto da professora Valdênia Sabrina Fragoso de Brito, do Centro de Educação Infantil Santo Estevão, de Cabo de Santo Agostinho (PE), que foi um dos vencedores do 11º Prêmio Professores do Brasil.

“A matemática nos contos infantis: trabalhando com grandezas e medidas na educação infantil” é o título do projeto apresentado pela professora Valdênia, que foi um dos vencedores da etapa de Pernambuco do 11º Prêmio Professores do Brasil, iniciativa do Ministério da Educação (MEC), com apoio de várias organizações.

A professora Valdênia é um exemplo de como as educadoras e rede de Educação Infantil em geral de Cabo de Santo Agostinho tem se dedicado a aprofundar reflexões para a qualificação de suas práticas. Sua monografia para obtenção da Licenciatura em Pedagogia, na Universidade Federal Rural de Pernambuco, foi sobre “Produção de desenhos na Educação Infantil: evidências da compreensão a partir da leitura de textos”.

Sueli Nunes, secretária municipal de Educação: trabalho coletivo (Foto Divulgação/Prefeitura de Cabo de Santo Agostinho)

Trabalho conjunto – A secretária municipal de Educação de Cabo de Santo Agostinho, Sueli Nunes, afirma que os professores do município têm uma tradição de trabalhar com a pedagogia de projetos, visando o desenvolvimento integral do aluno. “Geralmente esses projetos incentivam o envolvimento da comunidade na vida escolar, visando esse desenvolvimento integral”, diz.

Uma das preocupações do município, continua a secretária, é que o processo educativo, inclusive na Educação Infantil, não ocorra apenas em sala de aula, mas também fora dela, como no entorno da escola. “A Educação não ocorre apenas no espaço restrito da sala de aula. Também acontece fora dela, e é nesse sentido que procuramos o desenvolvimento de uma cultura de educação integral, participativa e cidadã, também na Educação Infantil”, complementa Sueli Nunes.

A secretária municipal de Educação entende, portanto, que as conquistas obtidas pelos professores da rede “são fruto de um trabalho coletivo”. Ela destaca que o município de Cabo de Santo Agostinho vem procurando consolidar parcerias, justamente pelo fortalecimento do sistema educacional. Neste campo, evidencia a participação de Cabo de Santo Agostinho no Programa Primeiro a Infância – Educação Infantil como Prioridade, do Fundo Juntos pela Educação. Em seu primeiro ciclo, o Programa foi implementado, entre 2015 e 2017, nos municípios pernambucanos de Camaragibe, Cabo de Santo Agostinho e São Lourenço da Mata.

“O Programa contribuiu muito com a formação e capacitação dos educadores e também possibilitou uma rica integração com outros municípios”, comenta Sueli Nunes. A secretária considera que o Programa Primeiro a Infância “oportunizou à equipe escolar e da Secretaria da Educação momentos de reflexão e ação”, ao ter como foco a construção ou revisão do Projeto Político Pedagógico de cada unidade escolar de Educação Infantil. “O PPP é o raio-x da escola, ao permitir a participação dos professores, da comunidade escolar e dos alunos”, destaca.

Valorização da Educação Infantil – Muitos esforços vêm sendo feitos em Cabo de Santo Agostinho pela valorização da Educação Infantil, assinala a secretária Sueli Nunes.  Uma das ações é a própria reforma dos equipamentos escolares, para que eles fiquem mais adequados ao processo de ensino e aprendizagem.

No final de setembro, por exemplo, foi concluída a reforma do CEI Santo Estevão, onde trabalha a professora Valdênia de Brito. O equipamento ganhou novo telhado, pintura, refeitório, banheiros individuais para cada sala, novas bancas, cerâmicas, área verde e, claro, muitos novos brinquedos, além de grafites assinados pelo artista Rafa Mattos.

Outras medidas foram tomadas para a qualificação da Educação Infantil no município. Uma delas foi a estruturação de Conselhos de Escola nas unidades de Educação Infantil. Outra foi a formação de um grupo multidisciplinar, na Secretaria Municipal, objetivando visitar as instituições conveniadas e acompanhá-las em termos das questões financeiras e dos contratos firmados com o município, entre outros pontos.

Outra ação é o Programa Palavra Cantada, levado a todas unidades escolares. Um dos propósitos é contribuir com o cumprimento da Lei Federal de n° 11.769, que prevê a implantação do ensino de música nas escolas. O Palavra Cantada vem sendo implementado desde o início de 2018 através dos “brincantes”, educadores que trabalham com os alunos, com o intuito de fortalecer a importância do brincar no desenvolvimento cognitivo, motor e psicológico, portanto, no desenvolvimento integral do aluno. Reforçar a importância do brincar na Educação Infantil é exatamente uma das linhas do Programa Primeiro a Infância – Educação Infantil como Prioridade, do Fundo Juntos pela Educação.

Posts Relacionados

Educação Infantil em Rafard: melhorias constantes na rede

Juntos Pela Educação

Campinas constrói o Plano Municipal pela Primeira Infância

Juntos Pela Educação

Vídeos de Seminário sobre Gestão Integral na Infância estão disponíveis

Juntos Pela Educação

Deixe um Comentário